segunda-feira, 9 de abril de 2012

"Vira para o irmão que está ao seu lado e diz..." O que você pensa disso?

Flagramos esse momento de 'interatividade' em um culto.
 Não são poucos os pregadores que fazem uso do que aqui vamos chamar de 'interavividade' durante a pregação da palavra de Deus.


Essa interatividade é caracterizada pela forma com que eles levam às pessoas a dirigirem-se umas as outras durante o culto.

É mais ou menos assim:

"Vira para o irmão que está do seu lado e diz..."


Você é mais que vencedor em Cristo Jesus..
Deus vai mudar a história da sua vida hoje...
Aquilo que ele prometeu vai se cumprir...

É por aí...

As frases são em sua maioria de efeito positivo, motivador, enfim, úteis.
O problema está na forma como são colocadas.

Porquê o pregador não conduz toda igreja a pronunciar frases em períodos maiores durante a mensagem?

Nas pesquisas que fizemos, pessoas disseram que em suas igrejas o uso dessa interatividade ultrapassa o limite da paciência.

Uma das pessoas que entrevistamos disse: "Ontem no culto meu pastor nos fez 'virar para o irmãou umas 20 vezes! Pior é quando agente vira e fala, e a pessoa nem dá confiança... Agente percebe que a pessoa não tá afim."

Apesar do constrangimento, pessoas que participam de cultos respeitam e seguem a orientação, mas acreditem: A maioria não gosta.

Como é boa a velha e proveitosa leitura e minstração da palavra de Deus, onde todos possam abrir suas biblias, acompanharem a leitura e poderem ouvir a voz do Espírito Santo de Deus. Sem os acréscimos.

Até que ponto é aceitável esse tipo de interatividade nas igrejas?
Porquê pastores fazem dessa estratégia uma prática tão repetitiva?

Você que prega a palavra de Deus pode nos ajudar a entender ?

Deixe seu comentário sua opinião é importante para nós, e pode fazer a diferença.
Todos os comentários são postados. Comentários desreipeitosos serão excluidos pela administração do blog.

Nenhum comentário:

Postar um comentário